NikkeyBrasil - O site do japonês no Brasil
26/6/2017. Bem-vindo ao NikkeyBrasil. Hoje, com 8272 cadastrados - 29.098.136 visitas
Empresa ou produto:



HOME            
Primeiro-ministro do Japão não descarta construção de novos reatores nucleares

O novo primeiro-ministro nipónico, Shinzo Abe, não descarta a possibilidade de autorizar a construção de novos reatores nucleares no Japão, depois de uma visita à central nuclear de Fukushima no sábado.

 

"Os novos reatores serão completamente diferentes dos da central da TEPCO (operadora) de Fukushima Daiichi, que causaram a crise nuclear", afirmou Shinzo Abe durante um programa de televisão local, em declarações obtidas hoje pela agência Kyodo.

Shinzo Abe acrescentou que essas unidades serão construídas "com o consentimento do povo japonês".

No sábado, Shinzo Abe visitou a central de Fukushima pela primeira vez desde que tomou posse como primeiro-ministro do Japão.

O Governo de Abe disse na quinta-feira que irá rever a promessa do anterior Executivo de acabar com a energia nuclear no Japão até 2030 e que irá permitir a retoma das operações dos reatores nucleares considerados seguros pelas autoridades.

Em Fukushima, Shinzo Abe prometeu "medidas políticas responsáveis" e criticou a meta acordada pelo Gabinete do ex-primeiro ministro, Yoshihiko Noda, já que, na sua opinião, "não se vai tornar realidade apenas porque se deseja".

Analistas preveem que o Japão irá procurar relançar o seu programa nuclear sob a liderança do Partido Liberal Democrata, apesar de a opinião pública atribuir parte da responsabilidade da catástrofe à cultura de cumplicidade entre o Governo e a indústria promovida durante os mais de 50 anos em que aquele partido esteve no poder.

Os 50 reatores japoneses foram parados depois do acidente de Fukushima em março de 2011 para testes de resistência a catástrofes naturais.

Todos os Direitos Reservados. Copyright ® ABRAON
pagina gerada em 0.1241 segundos.