NikkeyBrasil - O site do japonês no Brasil
23/5/2017. Bem-vindo ao NikkeyBrasil. Hoje, com 8271 cadastrados - 28.719.739 visitas
Empresa ou produto:



HOME            
Japão acha possíveis partículas de asteroide na cápsula Hayabusa

 A Agência de Exploração Aeroespacial do Japão (JAXA) encontrou partículas que, aparentemente, vem de um asteroide no interior da cápsula "Hayabusa", que retornou à Terra em junho passado depois de uma viagem espacial de sete anos.

Confirmada a sua origem, seriam as primeiras amostras coletadas de um asteroide no espaço exterior que vêm ao nosso planeta, de acordo com fontes JAXA ouvidas pela agência local Kyodo.

Uma análise através de um microscópio eletrônico indicou que as partículas com um diâmetro de 0,001 mm, possuem algumas características que as distinguem dos materiais terrestres.

Prevê-se que as amostras sejam submetidas a novos testes em um acelerador de partículas em Hyogo (Japão central) para ver se elas vêm do asteroide Itokawa, a cerca de 300 milhões de quilômetros da Terra.

O "Hayabusa" ("Peregrino") foi lançado em maio de 2003 e desembarcou no asteroide Itokawa, que orbita a Terra, em novembro de 2005, antes de iniciar em abril de 2007 sua longa jornada para casa.

Sua missão foi a primeira de ida e volta de um cápsula da Terra a um asteroide, e despertou grandes expectativas pela sua dificuldade técnica e pelos problemas que enfrentou.

Entre eles estavam o mau desempenho de seus motores de xenon e a perda de contato com a base durante três meses, por isso não está claro se conseguiu ou não recolher amostras do asteroide.

Especialistas dizem que as partículas do asteroide poderiam ajudar a esclarecer questões sobre a formação de planetas há mais de 4.500 milhões de anos.

Para o projeto Hayabusa, o Japão destinou um orçamento de cerca de US$ 130 milhões (cerca de 94 milhões de euros).

Todos os Direitos Reservados. Copyright ® ABRAON
pagina gerada em 0.1166 segundos.